Segurança

Manter uma atitude discreta e resiliente.

Para quem não sabe (manter uma atitude discreta e resiliente), o título ou o exposto como título, é uma das regras de conduta trazidas agora com a republicação da lei 34/2013 de 16 Maio.

Afinal é que é ou o que se interpreta com ser discreto e resiliente?

Claramente não será fazer croudsurfing sobre o público no desempenho de funções ou estar a dançar numa discoteca quando estamos de serviço.

O que realmente vemos por aí e será quase uma “obrigação” desta “nova malta”, é a total falta de noção de discrição, e até ausência das suas obrigações enquanto profissionais de segurança privada.

Devemos no desempenho de funções pautar pela discrição, auxiliar, prevenir, antecipar, “mitigar” ou seja, minimizar a possibilidade de ocorrências como já por aí se leu.

O que para uns é “festa entre amigos” , para outros será a obrigação de prevenir possíveis ocorrências que coloquem em causa direitos , liberdade e garantias…afinal , faz parte das nossas competências !

Ainda mais falta de noção e até falta de “discrição”, será o vir para as redes socias “assumir” algo errado, algo que na maioria de nós que lemos e estudamos com afinco o Safety e security , revolta a essência do que somos.

Pessoal…Vamos lá a ser PROFISSIONAIS se faz favor já que a “vossa” empresa não tem o discernimento de perceber muitas vezes a gravidades das situações e o vosso coordenador(a), está ali para encher o olho e porque tem de fazer parte de uma “listagem”.

Nota – Esta foi a primeira foto que apareceu no google como “segurança faz croudsurfing”

Grande abraço.

 

By Cunha

Tinha 29 anos em 2000 , em que ano nasci eu ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: